Organon FIC FIA


A Organon Capital é uma gestora independente focada em renda variável. A empresa foi fundada na cidade de São Paulo, em 2020, por Raphael Maia após uma longa passagem no BTG Pactual. Atualmente, a gestora conta com R$ 125 milhões sob gestão, conforme dados do Quantum. Vale ressaltar que a gestora possui uma única estratégia, o Organon FIC FIA, e todos seus esforços são voltados para o desenvolvimento dela.

Time de gestão e análise:

Raphael Maia é sócio-fundador e gestor responsável pelo fundo da casa. Anteriormente foi analista de investimentos na gestoras Fator e Tarpon. Além dessas gestoras, grande parte de sua carreira até o momento foi ocupando cargos de direção no BTG Pactual nas áreas de análise de equities e private equity. Durante sua passagem no BTG, também ocupou cargos em conselhos fiscais e financeiros da Companha de Seguros Aliança da Bahia e Brasilcap.

Daniele Rosa é diretora de risco, compliance e acumula passagens por Banco do Brasil, BRL Trust, Claritas Investimentos, Exitus Capital e Flit Investimentos. Nessas experiências atuou nas áreas de fundos de investimentos, compliance, controles internos, riscos e PLD.

Atualmente, a equipe é composta por cinco pessoas, das quais quatro são do time de análise, incluindo o gestor, e o intuito é alcançar o número de seis pessoas nessa equipe. Vale ressaltar que os analistas são divididos por setores, mas não possuem sua formação restrita a estes tendo em vista a rotação setorial que é realizada periodicamente. Além disso, os analistas acumulam passagens prévias por Brasil Plural, XP, Crédit Agricole, Lotus Peak Capital e Lombard Odier.

Estratégia:

O Organon FIC FIA é um fundo que teve início como clube, no qual o gestor realizava gestão de recursos próprios, amigos e familiares. A estratégia do fundo é long only, ou seja, mantém seu portfólio concentrado em posições compradas, que buscam gerar retorno absoluto através da valorização das ações de empresas brasileiras que são selecionadas tomando como referência, principalmente, seu valor intrínseco. O fundo não possui restrições em relação ao tamanho de mercado das empresas, contudo a equipe de investimento costuma focar em pequenas e médias empresas, com valor de mercado inferior a R$ 10 bilhões. Além disso, o fundo costuma rodar com um portfólio concentrado de 15 posições, onde as 10 principais compõem 70% a 80% do patrimônio do fundo. Como consequência, podemos dizer que é uma carteira relativamente concentrada.

O processo de investimento consiste inicialmente na utilização de filtros quantitativos simples que tomam como base múltiplos fundamentalistas. Em seguida, é decidido em conjunto com toda equipe de investimento quais serão os cases que serão aprofundados. Com essa decisão, é realizada uma análise fundamentalista bottom-up profunda e detalhada da seguinte forma: primeiramente é estudada a empresa e seus balanços financeiros, em seguida, o setor em que está inserida e são traçadas análises comparativas. A etapa final é buscar o entendimento do cenário que a empresa está inserida através de uma visão macroeconômica. Contudo, é importante ressaltar que o expertise da gestora e sua equipe de investimento se trata da análise microeconômica envolvida nos cases.

Processo decisório:

O processo decisório e as discussões dos cases no Organon FIC FIA envolvem todos os participantes do time de análise e o gestor. Com isso, as decisões são tomadas de forma consensual entre o time.

Gestão de risco:

O fundo não utiliza alavancagem e derivativos em sua composição, o que simplifica os controles de risco associados à gestão. Em síntese, a estratégia conta com limitações de concentração máxima de 35% por posição, que pode alcançar 45% passivamente e 45% por setor. Além disso, não possuem nenhuma forma de controle por stop loss, ou seja, o estabelecimento de preços limites que se alcançados pelos ativos em queda, teriam suas posições zeradas. Vale destacar que realizam comitês quinzenais de monitoramento das principais posições.

Posições:

Por fim, o portfólio do fundo está mais concentrado nos setores de bens industriais (29,9%), exploração de imóveis (15,3%), serviços diversos (12,3%) e saúde (8%). Além dessas posições, a estratégia também conta com posições nos setores financeiro, transporte, petróleo e gás, petroquímicos, consumo não cíclico/cíclico, contudo são posições menos representativas na carteira.

Mercados de atuação e performance:

TESOUROCRÉDITO PRIVADOMOEDASAÇÕESDERIVATIVOSALAVANCAGEM
XXXX
Ações Brasil


Confira nossa lista completa de fundos de investimento aqui. Além disso, para acessar análises de outras estratégias, acesse este link.


A Órama Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. distribui seus produtos para pessoas físicas e jurídicas. Recomendamos o preenchimento do seu Perfil de Investidor antes da realização de investimentos. As informações constantes neste documento estão em consonância com os regulamentos dos fundos de investimento, mas não os substituem. Leia a lâmina de Informações essenciais, se houver, e o regulamento antes de investir, disponíveis no site www.orama.com.br. RENTABILIDADE PASSADA NÃO REPRESENTA GARANTIA DE RENTABILIDADE FUTURA.

AS RENTABILIDADES DIVULGADAS NÃO SÃO LÍQUIDAS DE IMPOSTOS E TAAS DE ENTRADA, DE SAÍDA OU DE OUTRAS, QUANDO APLICÁVEL. FUNDOS DE INVESTIMENTO NÃO CONTA COM GARANTIA DO ADMINISTRADOR, DO GESTOR, DE QUALQUER MECANISMO DE SEGURO OU DO FUNDO GARANTIDOR DE CRÉDITOS – FGC. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido. Este material tem propósito meramente informativo. A Órama não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações aqui divulgadas. As informações deste material estão atualizadas até 28/04/2022.

Posts Similares