Brasil Foods – Agora sob nova direção.

Brasil Foods

PROTEÍNAS

Agora sob nova direção

Marcos Molina emplaca conselho e se torna controlador.

O controlador da Marfrig já fizera outras tentativas de aquisição no passado, mas desta vez foi bem sucedido. Dessa forma, Molina é hoje o detentor de 33,25% do capital da BRF. Foi vitorioso na eleição da sua chapa para o conselho de administração na assembleia ocorrida no dia 28 de março. Desde a saída do bloco Tarpon/Península, a BRF vinha sendo tocada como uma Corporation. Apesar de não ter controle definido, havia forte influência dos fundos de pensão Previ e Petros. Liderada por Pedro Parente, a cia. passou por um turnaround bem sucedido, com foco no enxugamento das operações e na robustez da operação agrícola.

Empresa opera com números estáveis.

A implementação do OBZ na gestão anterior foi feita de forma inadequada, e isso prejudicou enormemente a cadeia de suprimentos da empresa. O relacionamento com os granjeiros, que estava bastante conturbado, foi reequilibrado. Além disso, muitas das operações da Brasil Foods que foram adquiridas lá fora acabaram sendo vendidas, e a cia. voltou a focar os seus esforços onde tem diferencial competitivo – aqui no Brasil. Em paralelo, os mercados da Ásia e Oriente Médio ainda têm atividades fabris in loco e são destaque – tanto pelo volume de compra quanto pela saída de produtos de valor agregado.

Esperamos uma melhora da lucratividade.

O frango é notadamente um mercado mais competitivo que o de carne bovina. Com isso, há mais competição local, menos necessidade de escala e um consumidor bem mais sensível a preço. em paralelo, nesses últimos anos, vimos uma disparada no preço do grão. O custo com insumos já representa 75% do custo total, com grãos sendo a maior parte disto. Sendo assim, aqui na Órama, vemos como inevitável um eventual sucesso no repasse deste custo para o consumidor. Tanto os mercados de grãos quanto os de proteínas são globais, de alta liquidez, e não há motivos para ineficiências de mercado deste tipo perdurarem por muito tempo.

Preço da ação não é compatível com desempenho econômico.

A Brasil Foods (BRFS3) é a terceira maior abatedora de frangos do mundo, com quase 2 bilhões de cabeças abatidas anualmente. Entre as oito maiores mundiais, a BRF tem o segundo menor valor de mercado. Adicionalmente, em termos de lucratividade, a BRF vem sendo bem sucedida em controlar custos e repassar os preços. Conforme podemos ver no quadro abaixo, as empresas que operam no mercado americano são notadamente as que têm tido melhor desempenho, com margens gordas e crescentes nos últimos trimestres.

Sendo assim, destacamos ainda que JBS e Tyson não são pure play, tendo uma vantagem substancial nos seus números decorrente da bonança da carne bovina. Observamos uma clara deterioração nos números das asiáticas. Essa é uma tendência recente, e bastante brusca. Sendo o mercado asiático o maior comprador da commodity no mercado internacional, a nossa perspectiva é de que o preço do frango, que já vinha em tendência de alta forte, conforme o gráfico abaixo, deve seguir em patamar alto, sustentando a lucratividade da BRF.

O que esperar da Marfrig

Depois da sua reestruturação, a Brasil Foods adotou uma estratégia bastante acertada de ser participante ativa no mercado de ração, permitindo assim à cia. antecipar os solavancos no preço do grão, e com isso suavizar a sua margem ao longo do tempo. Dessa forma, a entrada da Marfrig no capital deverá abrir portas para a empresa, melhorar o seu posicionamento em negociações e racionalizar o negócio.

O plano de investimentos que a gestão anterior apresentou era bastante grande e focado em novos produtos. Nós aqui na Órama, entretanto, entendemos que deve se tocar o negócio de forma mais cautelosa, por ser price taker nos seus principais produtos e insumos. Sendo assim, vemos com bons olhos a entrada do novo controlador no capital.

Confira também a nossa carteira mensal de abril, onde primeiramente recomendamos a compra das ações da Brasil Foods.

Invista conosco! Abra a sua conta já.


Disclaimer disponível no relatório completo. Acesse o documento clicando no link abaixo.

Posts Similares