Os mercados continuam digerindo os dados de inflação dos EUA

Confira as últimas atualizações para você começar seu dia com tudo que precisa saber sobre o mercado financeiro.

Os mercados continuam digerindo os dados de inflação dos EUA, bolsas asiáticas e destaques.

  • As bolsas asiáticas fecharam com viés de alta, após dados fortes de exportação da China e balanço dos últimos números de inflação dos EUA. O índice Nikkei subiu 1,93% em Tóquio, sustentado pela fraqueza do iene ante o dólar, enquanto o Hang Seng avançou 0,26% em Hong Kong. Todavia, as preocupações com o atual surto de covid-19 pesaram nos mercados da China. O índice Xangai Composto recuou 0,82%. As exportações chinesas deram um salto anual de 14,7% em março, maior do que se previa. As importações da segunda maior economia do mundo, por outro lado, decepcionaram, com uma inesperada queda. 
  • Na Europa, as bolsas operam com viés de baixa. O índice Stoxx Europe 600 cede 0,34%. A inflação no Reino Unido, que precede a decisão do Banco da Inglaterra em maio, registrou a maior alta em 30 anos. Os mercados continuaram a digerir os dados de inflação dos EUA, assim sendo, reavaliando o processo de aumento de taxas pelo Fed.
  • Os futuros dos índices de ações de Wall Street sinalizam uma abertura com ganhos. Entre os movimentos de pré-mercado, o JPMorgan pouco se moveu antes dos resultados do primeiro trimestre, que serão divulgados hoje. Os investidores agora estarão atentos à temporada de balanços.

Paulo Guedes com Bolsonaro, jantar de Lula com o centrão e mais destaques de Brasília, acesse o Panorama Político.

Leia mais: Os mercados aguardam a divulgação da inflação dos EUA

Posts Similares